Terça-feira, 17 de Fevereiro de 2009

Notas Direitas

1ª Nota: O preço médio do barril de petróleo "Brent", em 2008, foi de $98 USD. Nos dois últimos meses de 2007 a média foi superior a $92 USD. O erro de previsão do governo feita em 12/2007 foi $17,2 USD por defeito, estimando um valor, que,  à altura, já era $11,2 USD mais barato que o efectivamente praticado.

 

Serve este pequeno avivar de números para vincar o grau de lirismo e incompetência de quem nos lidera! Traçam cenários optimistas só porque sim.

 

2ª Nota: Evito o folclore na discussão das questões de consciência que apelam às traves mestras da nossa constituição como pessoa. Como tal, nas questões do casamento gay e eutanásia tenho opiniões firmes e fechadas, por sinal, bem mais fáceis de alcançar  que na decisão da interrupção voluntária da gravidez. 

 

Sou a favor da eutanásia com regras claramente definidas e respeitadoras de quem toma a decisão de querer morrer por não ter qualidade física (e não psíquica) para viver.

 

A tentativa da comunidade gay assaltar um contrato que é concebido para beneficiar positivamente indivíduos heterosexuais é imoral. A diferença assume-se precisamente pela sua interiorização sem querer violar  conceitos de génese aposta às escolhas/tendências de cada um. Como tal, a ideia de dois gays ou duas lésbicas serem uma família normal é uma mentira! Podem fazer uma família é certo...mas não é a normal....podem gerar muito amor mas é desiquilibrado hormonalmente...Por isso, sou contra o casamento entre pessoas de mesmo sexo.

 

3ªNota: Quanto mais vejo futebol português mais tenho a certezo que os senhores do norte o estão matando aos poucos.

 

Achar a arbitragem de Pedro Proença, no último Porto-Benfica do campeonato, negativa (2,4 pontos em 5 possíveis) unicamente por ter sonegado um penalty ao Porto e perdoado um Amarelo ao Defesa-Central do Benfica é no mínimo gozar com quem paga para ver o espectáculo!

 

Tenho pena que o presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional e suas demais comissões (executiva, disciplinar e de arbitragem) não se consciecializem do mal que estão a fazer ao desporto rei, nem tão pouco se preocupem com a "panela de pressão" que quando transbordar pode ter consequências imprevisíveis, podendo mesmo levar à violência extrema se alguns clubes e massas de adeptos a sentirem como única maneira de lutar pela análise verdadeira (e actuação condizente) do futebol em Portugal.   

  

sinto-me: bem
música: Say it Right
publicado por Planeta Roxo às 21:34

link do post | comentar | favorito
Domingo, 15 de Fevereiro de 2009

Penalty's

O número; 900.000 funcionários públicos (FP's) em Portugal! Por cada onze lusitanos existe um FP (partindo do princípio que somos 10 milhões!). Por cada seis trabalhadores um é FP (população empregada 5,195 milhões).

 

Expresso, 14 Fevereiro 2009 (por João Silvestre)- "...Vários especialistas têm referido ultimamente que a aparente desvantagem de ter um estado demasaido pesado acaba por se tornar numa vantagem em época de crise. Segurar quem trabalha na esfera do Estado vai ser um dos segredos para garantir postos de trabalho, juntamente com o reforço da formação profissional que vai retirar das estatísticas do desemprego 50 mil pessoas este ano.

 

Por várias razões este excerto despertou a minha mente;

 

1-Repudiando a linha de pensamento dos especialistas, penso que em qualquer momento ter 900.000 FP's em Portugal é sempre mau! Não são precisos tantos numa sociedade que se quer dinâmica, criativa e independente. Depois há admiração aquando da ausência de resposta a sistemáticos chamamentos da sociedade civil para intervir. Noutra vertente mais obscura este número é também um convite à corrupção e compadrio.

 

2-Para quê tantos, se nas funções basilares do estado grassam exemplos de mau serviço?  Justiça, Saúde e Educação são os clássicos!

 

Mas há mais... esta semana tivemos outro exemplo paradigmático! Que uso tem a ASAE, a Direcção Geral de Veterinária e respectivos Ministérios (atolhados de gente que precisa de sentir concorrência para o lugar!) se não se preocupam com problemas importantes? Morreu uma jovem no Minho com a doença das vacas loucas, e, ao mesmo tempo o que continua a preocupar muito os inspectores e veterinários, são menoridades de risco perfeitamente controlável sistematicamente empoladas em detrimento de problemas mais graves! 

 

3-Ainda refutando ideias de especialistas, acho imoral que desempregados em formação sejam "estatisticamente empregados". Esquema que a bem da verdade e da democracia deve ser abolido.

 

4-Por último, tenho uma forte mágoa por uma  parcela de FP's. Com o seu medo cobarde de perderem o emprego,  nunca deixaram esta sociedade experimentar ser verdadeiramente governada à direita. Basta ver como na prática os FP's odeiam os contratos individuais de trabalho, ou mesmo os colectivos que tenham objectivos definidos, claros, e que abram a porta a despedimentos sem brutais indeminizações.

 

O facto; O dia dos namorados.

 

Tal como o dia convida consumi pouco e bem. Jantei no restaurante Sete Mares maravilhosamente acompanhado! Começei com queijo seco de Évora, presunto "Pata Negra" e uma dose de gambas à guilho. Segui para tranchinhas de veado regadas com Crasto Tinto 2007 (Tinta Roriz, Tinta Barroca, Touriga Franca e Touriga Nacional), acabando com uma manga deliciosa e a dose de cafeína da ordem.

 

Razão desta pouco usual partilha de intimidade? Simples! Numa data bem trabalhada pelo mercado, logo, puramente comercial, a gastar dinheiro, vale a pena fazé-lo "consumindo" uma refeição servida por pessoas competentes que nos propõem produtos nossos e de outras paragens sempre cheios de qualidade! Num país fraco...feliz fico com uma data "patética" se a mesma ajudar a premeiar  bons restaurantes da cidade! Mesmo por isso, no dia dos namorados, como em muitos outros, as pessoas faziam fila para comerem no Sete Mares. 

 

A imagem; Lisboa à noite é melhor com vida. Por muito boa ou muito má que seja a peça em que a actriz Rita Pereira é figura de cartaz, o certo é que dá luz a uma das salas de espectáculos mais conhecidas de Lisboa !

 

Tivoli com vida

sinto-me: bem
música: Spaceman
publicado por Planeta Roxo às 21:43

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009

Notas Direitas

Tendência de Crescimento do PIB Português em 2008

 

 

Robustez económica!? Procura-se viva ou morta!

 

Lição; Robustez económica não é vender mais, mas sim ganhar quota de mercado! 

 

Pequena frase dedicada aos seguidores, actores e amantes do "Socialismo Socrático". Política de traço pouco preparado, parco em inteligência, estatalmente limitante, "asnamente" seguidista e corrupta a níveis pouco vistos.  

 

sinto-me: bem
música: Numb
publicado por Planeta Roxo às 22:36

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 9 de Fevereiro de 2009

Notas Direitas

 1ª Nota: Depois de num dos seus carismáticos fins-de-semana propagandisticos de Janeiro, ter dado a entender que ia baixar impostos a sério (salvo erro quando foi ao CCB falar aos pedintes Socialistas), Sócrates mais uma vez enganou toda a gente e vem agora "clarificar"! Afinal vai fazer malabarismos com as deduções e escalões do IRS -ainda mal explicadas porque é de propaganda que se trata- que segundo os especialistas têm efeito muito curto. Isto é, anúncio com pompa e circunstância e resultado vestigial ou fracassado....Não têm sido assim os últimos 3 anos? É a táctica de nos comer por patos! Até a mim me enganou... pensei que era desta que havia redução de impostos com o estado, de uma vez por todas, a ir "sacar" menos aos cidadãos no seu todo. Sim, porque à semelhança de Pacheco Pereira, refuto a ideia vigente na nação que o problema dos pobres é a existência de ricos.

 

2ª Nota: A propósito da pompa acima referida, que dizer do estudo da OCDE que afinal não era! Sim aquele usado num debate parlamentar pelo governo para fazer valer a sua obra na área da educação! Depois ainda se admiram que quem o usou seja corrupto... Mais uma vez a tentativa de nos comerem por patos!!!

 

3ª Nota: Ainda na pompa! Lembro-me de uma grande cerimónia com Sócrates e o homem forte da Nissan, "celando", do ponto de vista do marketing político, um protocolo para desenvolver o mercado de carros eléctricos em Portugal. Neste caso, à semelhança de outros, tentou-se vender uma originalidade que não o era, e, fazer passar a ideia que o fim do gasóleo e gasolina era já ali, pois, Sócrates "O grande", tinha arranjado a solução. 

Agora, com a Nissan a despedir 20.000 colaboradores e a preparar-se para grandes difculdades, será que o protocolo vai para a frente? Alguém perguntou ao governo como fica este protocolo com a crise vigente? Também não esperem que os subservientes da RTP ou da comunicação social em geral o façam. Logo, ficamos sem saber, se mais uma vez, era uma manobra para impressionar "patos bravos" que andavam a pagar a gasolina a 1,50€/litro, ou se realmente estamos perante visão estratégica séria! O futuro o dirá...

 

"...Lisboa, 08 Julho 2008 (Lusa) - Portugal será um dos primeiros mercados mundiais onde serão introduzidos os modelos veículos eléctricos da aliança Renault-Nissan, no âmbito do memorando de entendimento que o governo assina com o grupo quarta-feira.
De acordo com o protocolo, a Renault-Nissan vai comercializar em larga escala veículos eléctricos para os consumidores portugueses a partir de 2010.
A cerimónia de assinatura do memorando de entendimento contará com as presenças do primeiro-ministro, José Sócrates, do ministro da Economia e da Inovação, Manuel Pinho, e do presidente e CEO da Nissan e da Renault, entre outros.
O Governo português vai estudar conjuntamente com a Renault-Nissan a forma de criar condições adequadas para os veículos eléctricos serem uma oferta atractiva para os consumidores portugueses, as infra-estruturas e organizações necessárias para criar uma ampla rede de estações de carga para os veículso eléctricos, a nível nacional, e identificar os canais mais eficazes de comunicação e educação para sensibilizar para a importância destes modelos, que permitem reduzir as emissões..."

 

 

Entre os "patos" patos de Colares e "patos bravos" dos portugueses a diferença é pouca!  

 

sinto-me: bem
música: Losing Touch
publicado por Planeta Roxo às 22:07

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009

Notas Direitas

1ª Nota: A previsão de variação homóloga do GDP (PIB) no 4º trimestre de 2008, nos E.U.A., é -3,8%. Até aqui nada de novo. É uma descida "às cavernas". Porém, há uma diferença colossal em relação à nossa realidade. Lá os cidadãos e todos os "players" do xadrez económico, depois de grandes mentiras, estão a ser confrontados com a verdade... Logo, lá, a confiança poderá ser reconquistada mais rapidamente. Quando se estimou este número, os especialistas americanos, traçaram um cenário que assentava no pressuposto de "preparar o sistema para os piores cenários, e, como tal, apontaram para um número na ordem dos 5,5%. (GDP was forecast to contract at a 5,5 percent annual pace last quarter, according to the median estimate of 79 economists surveyed by Bloomberg News. Timothy R. Bloomberg.com).

 

Agora veja-se a diferença quando comparado com as previsões do crescimento económico em Portugal. Há revisões sempre para baixo e depois os números finais são sempre piores. Ora aí está uma mais valia de ser americano. A capacidade de lidar sem rodeios com as "argoladas" sem doirar pílulas. Para eles interessa sair desta situação...não disfarçá-la.

 

2ª Nota; No caso Freeport uma coisa é certa, mais uma vez alguns profissionais da justiça "estatal" portuguesa saem muito mal!

 

Ao contrário do procurador-geral Pinto Monteiro, apesar de incomodado parece competente, a procuradora-adjunta Cândida Almeida aparenta ser um caso sintomático da incompetência pública disfarçada de grande profissionalismo (oxalá me engane!).

 

Cândida Almeida já tinha tido "saídas tristes" quando foi contra a criação da comissão parlamentar sobre o BPN, e, agora, ao vir explicar-se de forma confusa, lançou suspeições graves sobre o funcionamento/seriedade da investigação e processo criminal (da responsabilidade do estado). Ao falar demoradamente sobre o caso transmitiu ignorância, principalmente sobre o sistema judicial inglês. Como cereja em cima do bolo, para mal do governo, não descartou as hipóteses mais temidas pelos homens pseudo-sérios de esquerda.

 

3ª Nota: Como é possível na assembleia municipal da câmara municipal de Lisboa, uma moção propondo a geminação de Lisboa com Gaza tenha sido aprovada com a abstenção do PS, PSD e PP?

 

Tenho desprezo pela ideologia Trostkista/Estalinista/Leninista que, de entre muitas coisas, sempre foi xenófoba e extreminadora de "intelligentsia" superior (ironia das ironias é que o pai do comunismo teórico, Marx, é filho de judeus!)

 

Como lisboeta tenho o direito a uma forte reacção a este insulto vindo da esquerda política da cidade (com o voto silencioso, mas concordante, da direita).

 

Não escolhemos a família mas podemos escolher de quem gostamos... Eu não morro de amores pelo mundo árabe em geral, e, odeio fundamentalistas islâmicos em particular. Logo, geminar Lisboa com Gaza, cidade liderada por terroristas do islão que não aceitam a existência de Israel, é motivo para me apetecer pegar em armas e lutar pelos judeus em Portugal.

  

sinto-me: bem
música: Jerusalem
publicado por Planeta Roxo às 21:12

link do post | comentar | favorito
psroxo@sapo.pt
Site Meter

pesquisar

 

posts recentes

Reflexões de observador a...

Notas Direitas- Projecçõe...

Agora só quando vale...e...

O Nº226034 está-lhe grato...

É muito melhor que as 'pa...

Só para avisar que se me ...

Onde está a equidade cons...

Precisamos de oportunidad...

O meu olhar sobre polícia...

Flash Liberal- Passos Coe...

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

arquivos

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

mais sobre mim

blogs SAPO