Domingo, 30 de Maio de 2010

Notas Direitas

1ªNota: Este fim-de-semana houve uma notícia que com a mesma velocidade que veio, foi! Pouco se falou nela. Contudo, não foi esquecida e merece nota! A notícia é relativa à tentativa da direita encontrar uma alternativa a Cavaco para contra ele concorrer nas presidenciais. Diz-se que a razão de tal movimento terá sido a ausência de veto presidencial ao casamento gay. Acho pouco! Quanto muito, o veto, foi o pretexto/gota transbordante do copo cheio da direita -completamente siderada com a posição de Cavaco em relação ao actual governo-. Quem não se lembra do discurso da boa moeda de 2005? Como avalia Cavaco a actual moeda governativa? Uma coisa são golpes de estado institucionais, outra é a completa ausência de crítica concludente. Nos dias de hoje, acho que se exigia ao presidente a adopção contínua da segunda possibilidade. Cavaco à partida tem o meu voto mas também a minha crítica feroz. O medo da reacção dos mercados ou pura estratégica política não podem servir de justificação, em totalidade ou sequer em parte, às actuais atitudes presidenciais.

 

2ªNota: Ainda em relação à temática anterior pede-se à Igreja que se meta na sua vida e deixe a política. Não há paciência para Policarpos.

 

sinto-me: bem
música: Death and Taxes
publicado por Planeta Roxo às 21:02

link do post | comentar | favorito
Sábado, 29 de Maio de 2010

Flash Liberal- O Julgamento de Elementos dos No Nome Boys

(…) Antes ainda da leitura da sentença, foi comunicada a decisão sobre o requerimento à nulidade das escutas, interposto pela advogada Lígia Borbinha. O colectivo de juízes indeferiu o pedido, justificando que as informações obtidas através das escutas foram de extrema importância para as conclusões do processo (…) Também os advogados dos restantes acusados manifestaram o seu sentimentos de indignação. O advogado de António Claro - a quem foi aplicada a pena mais pesada, 12 anos de prisão efectiva - considerou que as punições "foram duríssimas", garantindo que vai recorrer da decisão. Também ele criticou o facto de os juízes terem sobrevalorizado as escutas telefónicas. "Há zero provas e só as escutas, mais uma vez, é que conseguem provar alguma coisa. E depois dão-se penas pesadíssimas", afirmou. (Correio da Manhã, Edição de 29 de Maio de 2010).

 

Pois é, para o cidadão vulgar, quando em problemas com a justiça, as escutas valem como meio de prova para condenação à luz do exarado em acusação. Esperarei agora pelas vozes indignadas de Bastonários, Procuradores Gerais e comentadores profissionais ao serviço do “sistema” (Ex: Miguel Sousa Tavares). É que quando as escutas serviriam para “enjaular” políticos de esquerda eram tidas como indigno meio de prova. E agora são indignas ou não? Nota: Nada tenho contra o uso de escutas como meio de prova.

 

No julgamento dos “No Name Boys” mais uma vez se confirma um tique muito nacional, de quando a quando, há sentenças irrepreensíveis e muito duras para uns de modo a que todos os outros que cá foram ficam, a perpetuar as mesmas acções noutras bandas do país, se safem e continuem na sua impunidade branqueada. Esta justiça, agora realizada por um colectivo de juízes presidido por um sócio do F.C.Esterco, num país decente, seria tida como irrepreensível e sem discussão. Aqui, por ser consequência da aplicação selectiva da lei, mais uma vez, só vem potenciar o ódio benfiquista por sócios, dirigentes, adeptos e simpatizantes que defendem o actual modo civilizacional do F.C. Esterco.       

 

Como dizem alguns adeptos “mais nervosos” do meu clube, sou Benfiquista sem medo! Eu acrescento, quase me apetece inscrever nos No Name Boys. Em tempo de guerra vale tudo e são precisos mais soldados para substituir os 13 agora presos por um sócio do F.C.Esterco. De grande utilidade jornalística seria entrevistar o juiz em questão e confrontá-lo com algumas perguntas sobre corrupção, violência e práticas ilegais que envolvem adeptos, claques e dirigentes do seu clube de estimação. E já agora finalizá-la com a pergunta de 1 milhão de dólares; Que razões justificam estarem todos cá fora quando há provas e escutas bastantes para “irem dentro”? 

   

sinto-me: bem
música: Ser Benfiquista
publicado por Planeta Roxo às 16:40

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 27 de Maio de 2010

Flash Liberal

Frase actual do Portugal parceiro desvalorizado e temerário;  

 

Portugal destronou a Islândia e prepara-se para passar à frente também da Grécia e converter-se neste ano no país do mundo desenvolvido com maior défice externo, equivalente a 10,2% do PIB. Segundo a OCDE, depois de ter caído de 12% para 10,3% entre 2008 e 2009, défice externo português voltará a desacelerar ligeiramente neste ano para 10,2%, antes de regressar a 10,3% em 2011.

(http://www.jornaldenegocios.pt/index.php?template=SHOWNEWS&id=427429- 27 Maio de 2010)

 

Frase sobre Portugal, parceiro fulcral e digno de reverência, pena que seja de finais do Século XVIII;

 

The just causes of war, for the most part, arise either from violations of treties or from direct violence. America has already formed treaties with no less than six foriegn nations, and all of them, except Prussia, are maritime, and therefore able to annoy to injure us. She has also extensive commerce with Portugal, Spain, and Britain, and, with respect to the two later, has, in addition, the circumstance of neighbourhood to attend to.  

(John Jay: The Federalist, Nº3 Dangers from Foreign Arms and Influence, Selected Federalist Papers  – November 3, 1787)

 

Vale o que vale, mas sempre podemos lavar a alma com a história, ainda por cima na letra de outros!

 

sinto-me: bem
música: Death and Taxes
publicado por Planeta Roxo às 23:24

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 24 de Maio de 2010

Flash Liberal

 Jornal i, edição de 24 de Maio 2010
 

Pedros Passos Coelho (PPC) recebeu o Jornal i para mostrar a forma como se está a preparar para a governação do país. Pelos vistos a preparação está também a passar pela modernização do partido. Pacífico! Agora a questão é saber se PPC está a seguir este caminho com as ideias originais apresentadas -no passado- ao eleitorado natural do PPD/PSD, ou, se se prepara pela opção "bloco central" das ideias vazias e asfixiantes da democracia em território nacional!

 

Duas semanas após a "união na amargura" com o PS, salvando o país da bancarrota, é possível dizer que PPC negociou um mau acordo. Sem pingo de propostas ao encontro dos anseios dos votantes do partido, i.e., suspender construções do TGV, NAL e auto-estradas, eliminar o estado central e local desnecessário, e reduzir retribuições em todo o serviço público. Ou seja, autorizou o aumento de impostos quando essa deveria ser a última opção depois de as anteriormente enumeradas não serem suficientes! Enfim, uma traição ao seu eleitorado que um pedido de desculpas não apaga (atenua). 

 

Digamos que PPC ficou bem na foto de Estadista. O problema é que foi a foto do estadista sem ideias firmes, sem convicção e com medo de se impor pela negociação séria de contrapartidas "de direita" por justo contraste ao descalabro Socialista. PPC, provavelmente com "sede de cadeira", está a preparar uma alternância de pessoas e não de ideias, mais, não mostra perceber que um grande político não é aquele que chega a primeiro-ministro, mas sim o que pela coerência e seriedade não tem medo de tentar mudar a sociedade com os votos que o povo dá às suas ideias. O actual momento era/é de ouro para a afirmação de novas políticas e de gente corajosa. Os mercados financeiros, mais que o dinheiro, apreciam o risco de quem quer liderar e afirmar a alternativa arrojada, futurista e mais credível.   

 

Será a actual preparação de PPC e do PPD/PSD a verdadeiramente necessária para o país numa lógica integrada e com perspectiva de futuro? Ou é simplesmente uma arquitectura para alcançar o poder agradando à partida a Gregos, Troianos e aos in between? A esperança está em acreditar que ao chegar à governação PPC recuperará a agenda inicial, actualmente escondida porque o mesmo acredita que com ela não ganha as eleições num país de esquerda "só porque sim" e/ou por "mediocridade". 

 

sinto-me: bem
música: The Killers
publicado por Planeta Roxo às 21:49

link do post | comentar | favorito
Domingo, 23 de Maio de 2010

Notas Direitas

1ªNota: Bem sei que nas nossas vidas há horas, minutos ou segundos menos conseguidos em termos de comunicação, ficamos mesmo irritados por não transmitir a mensagem que à partida nos parecia básica. Mas, o que custava ao governo ao fim de 1 dia (após a primeira comunicação) ter clarificado formalmente e por quem de direito, que as taxas de IRS, para o ano todo de 2010, iriam aumentar 0,58% e 0,875% para rendimentos até e após o terceiro escalão, respectivamente? É uma coisa tão simples! A não clarificação arrastada por 2,3, 4, 5 dias é/foi inaceitável. Até eu, numa fase inicial, dei instruções à minha empresa para me facturar até 31 de Maio o subsídio de férias, afinal era inútil, o governo mais uma vez enganou-me com o sua incompetência, desorientação, impreparação e desonestidade -já demasiado agravadas-.

 

2ªNota: Como do seio do grupo parlamentar Socialista conheço poucas boas ideias, é de festejar efusivamente a intenção de apresentação de um projecto de resolução para que o números de feriados e pontes sejam reduzidos em Portugal. Os meus sinceros e antecipados parabéns para as proponentes Teresa Venda e Maria Rosário Carneiro. Espera-se agora pela realização efectiva da proposta para que possa (e deva) ser discutida pelo Parlamento. Oxalá se consiga pelo menos implementar os feriados móveis. É isto que também se pretende dos deputados que representam a partido do governo, apresentação de propostas estruturantes para o melhor funcionamento da nossa Sociedade e Economia!

 

sinto-me: bem
música: Civil War
publicado por Planeta Roxo às 16:24

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 18 de Maio de 2010

Flash Liberal

A duas semanas de ir para novo posto e deixar a governação do Banco de Portugal, Vítor Constâncio (VC) lança mais uma farpa ao governo que fortemente apoiou durante 5 anos. Nos últimas semanas VC tentou descolar da "Socialist Governance", mas, quem de memória, não vai esquecer vários factos que começaram com o défice inventado no início do reinado de Sócrates e se estendeu longamente pela ausência de declarações critícas à condução do país -desde 2005 até de 2010-.

Quatro notas rápidas que julgo importantes sobre VC;

 

- Na saída merece ser co-responsabilizado, graças a incompetência manifesta, por um buraco nas contas públicas na ordem dos 2000 milhões de euros, i.e., o referente aos custos de nacionalização do BPN;

 

- Também deve ser confrontado com as propostas que não fez  para o corte das remunerações, reformas, gratificações e abonos da instituição que geriu durante anos -são uma vergonha que contribui residualmente para o défice orçamental do estado, mas brutalmente para o défice de credibilidade e moralidade dos técnicos passados e recentes do Banco de Portugal-;

 

- VC é o paradigma da despesa pouco útil, aliás, o seu mandato foi uma inutilidade na função fundamental. Como tal, soa a hipocrisia e "cara de pau" quando agora alerta para o aumento do número de funcionários públicos e dos seus ordenados (no reinado de Sócrates).

 

- Por mais que tente não vai descolar dos homens que defendeu, é também um dos grandes responsáveis pelo estado calamitoso do país. Nunca se preocupou com a despesa, agora fá-lo para perecer bem junto dos seus futuros colegas do Banco Central Europeu.

  

sinto-me: bem
música: Welcome to the Jungle
publicado por Planeta Roxo às 21:39

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 12 de Maio de 2010

Flash Liberal

A Figura da semana- Pedro Passos Coelho

 

Pela traição ao eleitorado PPD/PSD, por dar o dito por não dito, por prometer A e ir ajudar a fazer exactamente não A, por "dar a mão o pé e mais que fosse" a um governo de gatunos, corruptos e anti-democratas, por ter tido tanta pressa de chegar ao poder interno e agora estar com medo de se assumir como alternativa já, por tudo o que parece não ser e que quis parecer, inclusivé homem de coragem para afrontar a realidade com as suas ideias e convicções, por tudo isto, está na eminência de perder o meu apoio que se poderá reflectir numa de duas coisas;

- Filiação no PPD/PSD para internamente lutar contra a sua maneira de ser PPD;

- Ou manter-me longe da política, e o PPD/PSD perder o meu voto em próximas eleições.

 

Provavelmente será a vez em que vou mudar de opinião mais depressa em relação a um político! Por isso, estou profundamente desiludido e triste! É só percorrer o meu blog e perceber a dimensão da desilusão.

 

Nota: Que mania estúpida dos opinadores televisivos de achar que o facto do Benfica ser campeão adormece as pessoas para os problemas do país! Eu sou Benfiquista e estou pronto para a luta contra estes "motherfuckers" que nos governam! 

 

sinto-me: bem
música: Welcome to the Jungle
publicado por Planeta Roxo às 23:44

link do post | comentar | favorito

Flash Liberal

Hoje, os apoiantes do Governo, ainda que de forma moderada, celebram a estimativa rápida do INE sobre o crescimento do PIB em Portugal no primeiro trimestre de 2010. Em comparação homóloga crescemos 1,7%! Significa que a continuar assim a economia nacional irá gerar mais 2750 milhões de euros no final do ano -comparando com o anterior-.

 

Porém, é de notar que o governo conta aumentar o endividamento público em 7,8% (segundo o PEC), i.e., vai pedir ao mercado mais 11700 milhões de euros para juntar à dívida já existente que passará de 77,2% do PIB em 2009, para 85,4% em 2010.  

 

Logo, não é preciso ser grande barra em macroeconomia para perceber que o "boost" economico está ser feito muito por conta de pedir enormes empréstimos de dinheiro para consumir ou investir das mais variadas formas, directas ou indirectas, sem retorno suficiente.

 

Resultado? Severas medidas de austuridade um, restruturação séria do estado zero!

 

A fórmula acima descrita é muito nacional -afinal somos um país de funcionários públicos-, mas o Partido Socialista levou-a de tal forma ao limite do exagero que durante estes dias Portugal esteve à beira da bancarrota. Assim, basta esta análise simplista para serem óbvios os motivos de profunda preocupação e perceber a ausência de razões para celebrar!

 

Nota: Neste post é assumido que 1% do PIB Português é cerca de 1500 milhões de euros. Mas, mesmo que não seja, o escrito não perde a propriedade e utilidade.

 

sinto-me: bem
música: We care a lot
publicado por Planeta Roxo às 21:05

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 11 de Maio de 2010

Penalty's

A frase: "(...) não é o facto de coisas más acontecerem que nos distingue dos outros países. O que nos distingue é que depois de acontecerem nada mais acontece. Ou seja, não há consequências (...)". (Leonor Pinhão, Jornal Correio da Manhã edição de Sábado 08/05/2010)

 

Não é preciso acrescentar grande coisa. A não ser que de vez em quando, há alguns, mas muito poucos, que servem de bandeiras do residual Accountability nacional, e, em praça pública, são castigados até ao cúmulo do exagero de forma a branquear a esmagadora maioria dos restantes actos e medíocres actuantes.

 

O Facto: O roubo de gravadores levado a cabo, na Assembleia da República, por um deputado do PS.

 

Se evidências faltassem para provar o verdadeiro "jeito" da grande parte dos deputados do PS, o insólito episódio dos gravadores da revista Sábado literalmente metidos ao bolso por Ricardo Rodrigues, isso veio colmatar. Está confirmado, parecem ter grandes habilidades para a prática do roubo legal por indignação e/ou para proveito próprio (Aliás, a compreensão e aceitação do acto, por parte da bancada do PS, confirma a minha conclusão).

 

O número: Um qualquer da economia nacional.

 

Para por as coisas em "pratinhos limpinhos", se fosse um líder de direita honesto e vendo como o governo pretende sacrificar a sociedade civil não dependente da sua esmola, ia para uma ameaça reaccionária séria. Preferiria morrer lutando por uma pátria justa a repartir o meu país com agiotas que querem viver à conta do trabalho da minha família. O inimigo está identificado, políticos em geral, de esquerda em particular, e todos os que querem viver do funcionalismo público ineficiente! Podem-me chamar maluco e fundamentalista não me importo! Tenho orgulho em ter aprendido a ser gente no outro lado do atlântico (E.U.A), e lá, se estivesse a acontecer algo semelhante ao que acontece hoje em Portugal, já estavam na segunda guerra civil da sua história.

 

sinto-me: bem
música: Civil War
publicado por Planeta Roxo às 00:45

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 10 de Maio de 2010

Momentos do Passado Recente

Lisboa, 9 de Maio de 2010

 

Muitos perguntam pela razão, só alguns compreendem o fenómeno! Diria que o Sport Lisboa e Benfica é gigante porque é inclusivo, centra a sua existência nos adeptos e sabe para o que serve, i.e., não é um escape para a vida mas a vertente e reflexo desportivo de uma postura existencial correcta!

Hoje, pela trigésima segunda vez, somos campeões nacionais!

 

sinto-me: bem
música: Ser benfiquista
publicado por Planeta Roxo às 00:22

link do post | comentar | favorito
psroxo@sapo.pt
Site Meter

pesquisar

 

posts recentes

Reflexões de observador a...

Notas Direitas- Projecçõe...

Agora só quando vale...e...

O Nº226034 está-lhe grato...

É muito melhor que as 'pa...

Só para avisar que se me ...

Onde está a equidade cons...

Precisamos de oportunidad...

O meu olhar sobre polícia...

Flash Liberal- Passos Coe...

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

arquivos

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

mais sobre mim

blogs SAPO