Sábado, 1 de Novembro de 2008

Manhattan Touch

 

Final Vision- Just Moments Towards Another Goodbye

 

Em Manhattan há raras referências a Portugal.

 

Tirando as lojas da Aerosoles, o que mais encontrei foi um "outdoor" com a nossa bandeira na United Nations Way. Curiosamente, numa rua que com bondade poderá ser comparada a Portugal. Marginal ao pulsar da cidade, meio deserta, com aquele encanto característico de onde nada "mexe".

 

A "falta" de elementos nacionais em NY aviva-me bem um número a que Portugal não consegue fugir, e, para mal dos seus pecados, nem o Sr. José Sócrates. Esse número é o da descida no ranking da competitividade internacional, Portugal desceu mais de 15 lugares durante o actual "reinado" socialista... Há números arrebatadores para quem andou a vender o incremento da robustez da economia portuguesa como facto garantido. 

 

 

 

Foto- o lado calmo de NY, A United Nations Way.

 

O metro de NY é enorme. Até aqui nada de novo. Novidade para mim foi ver como toda a infra-estrutura está desgastada fruto da sua idade já avançada.

 

Consequentemente, há duas observações que se tornam óbvias, o velho, só por sim, não é sinónimo de falta de funcionalidade, por outro lado, ficou-me a clara ideia que num  futuro próximo o investimento progressivo (de conservação) em infra-estruturas ferroviárias é inevitável em NY. A primeira observação parece não ser percebida em Portugal. A segunda passa-nos ao lado, temos tudo novo nas grandes cidades, é só não estragar ou construir porque é moderno (estilo TGV). 

 

 

Foto- Ao descer para o metro de NY, descemos mesmo em qualidade de infra-estrutura. Se calhar faz sentido, nós em Portugal é que estamos habituados a "grandezas" inúteis.

 

Numa "Deli" da 7th Avenue encontrei um silêncio reconfortante para comer e a "tela" ideal sobre o mais belo teatro que existe... a realidade em movimento e eu parado a observá-la.

 

 

 

Foto- O silêncio desperta o sentido. O sentido realça os detalhes.

 

Por último, o que sinto pelos E.U.A.. Sinto amor. Há defeitos, alguns grandes, mas as virtudes superam tudo fazendo desta terra a melhor para mentes livres como eu. Objectivo? tornar Portugal uma terra de pessoas Livres.

 

 

 

Foto- Na 5th Avenue o amor está escrito na rua.

 

 

sinto-me: American
música: For reasons unknown
publicado por Planeta Roxo às 11:55

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



psroxo@sapo.pt

pesquisar

 

posts recentes

Reflexões de observador a...

Notas Direitas- Projecçõe...

Agora só quando vale...e...

O Nº226034 está-lhe grato...

É muito melhor que as 'pa...

Só para avisar que se me ...

Onde está a equidade cons...

Precisamos de oportunidad...

O meu olhar sobre polícia...

Flash Liberal- Passos Coe...

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

arquivos

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

mais sobre mim

blogs SAPO