Segunda-feira, 4 de Janeiro de 2010

Momentos do Passado Recente

Quem não se lembra das eleições autárquicas em Lisboa de Outubro passado? Recordam-se do slogan dominante da campanha de António Costa e sua coligação? Não?!  Então vamos lá;

 

"...Pusemos as contas em ordem..."  

 

Para quem legitimamente não acredita ou sofre de amnésia, aqui vai um excerto de entrevista "eleitoral" ao referido senhor;

 

 

Garante que vai sanear financeiramente o município. Acredita que é possível?

A diferença entre nós é que Santana conduziu as finanças da Câmara ao descalabro, duplicou o passivo e a dívida a fornecedores quadruplicou. Nestes dois anos diminuímos o passivo e a dívida a fornecedores e pusemos as contas em ordem. E, como os números estão certificados pelo Tribunal de Contas, quando Santana Lopes fala deles é através de uma fantasia que lhe agrada. Está enganado quando julga que fez certas obras e que houve dívidas que não são suas, pois as obras de que fala, em regra, não as fez e das dívidas de que não fala, em regra, fez. Não é por acaso que tenho dito que Santana Lopes tem um problema grave com a realidade.

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1384945&seccao=Sul

 

Intrigante foi a notícia do "Sol" -não desmentida- do passado dia 24 de Dezembro.  Aqui vão os principais recortes;

 

 

 

Deste pequeno "flashback" e posterior comparação com a realidade actual, concluímos que no imaginário de actual presidente da Câmara Municipal de Lisboa é possível dizer que se metem contas em ordem sem saber a quem se deve.

 

De facto, se a mentira e incompetência pagassem imposto Portugal não tinha défice público. Provavelmente, também por este tipo de coisas, António Costa acha que carácter e honorabilidade de políticos não devem ser discutidos em praça pública! Obrigado...

 

Igualmente grave, vendo a sequência na prespectiva favorável ao visado (assumindo que tomou um número seguro por excesso), é ter-se feito combate político "com dívida camarária" de existência não confirmada. Eu sei, é novamente questão de honra...tema sujeito a subjectividade pessoal. 

 

 

Ainda pelas questões de carácter, curioso verificar, no fragamento de entrevista acima colocado, que o actual "presidente de Lisboa" mente sobre a sua obra ao mesmo tempo que chama mentiroso "de forma politicamente correcta" (claro!) ao seu concorrente da altura. É o grau zero de credibilidade dos políticos, somente competentes, se estivermos desatentos!

 

sinto-me: bem
música: Radio Nowhere
publicado por Planeta Roxo às 23:46

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



psroxo@sapo.pt

pesquisar

 

posts recentes

Reflexões de observador a...

Notas Direitas- Projecçõe...

Agora só quando vale...e...

O Nº226034 está-lhe grato...

É muito melhor que as 'pa...

Só para avisar que se me ...

Onde está a equidade cons...

Precisamos de oportunidad...

O meu olhar sobre polícia...

Flash Liberal- Passos Coe...

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

arquivos

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

mais sobre mim

blogs SAPO