Terça-feira, 29 de Junho de 2010

Penalty's

 

O acontecimento; Elaboração da lista negra na Câmara Municipal de Faro onde se encontram os funcionários públicos abusadores que para a município trabalham.

 

Macário Correia, até ver, é daqueles políticos que ainda vale a pena ter! Porquê? Porque se preocupa em fazer o melhor respeitando o dinheiro dos impostos e os votos nele confiados. Assim, esta atitude da sua Câmara, só fica bem ao político que não tem medo de afrontar os hábitos "assassinos" dos trabalhadores portugueses. Pelo que li na edição do Público de 23/06/2010, o Presidente Macário, sem papas na língua, ameaça com falta injustificada, quem "se esticar" na pausa para café. Quanto a mim só tenho uma coisa a dizer; Que erro os Lisboetas o terem ignorando quando ele se candidatou à Câmara da capital! São pequenos actos de gestão que compõem a macroeconomia no final.

 

A proposta; Que as portagens nas SCUT's não sejam pagas por residentes usuários da área que elas atravessam e por automóveis ao serviço de pequenas e médias empresas dessas mesmas áreas.

 

Pergunta: Esta proposta faz algum sentido? É claro que não! Os utilizadores têm que pagar sem excepções, ou pagam todos ou não paga ninguém. Em alternativa, proponho que os 700 milhões por ano (das SCUT's) se possam ir buscar à reforma político-administrativa do país -sem regionalização- e à eliminação de empresas e institutos públicos inúteis. Já agora, se escolhida a opção alternativa, que os "encavados" de sempre da área metropolitana de Lisboa e arredores, deixem de pagar algumas rodovias -pelo menos na proporção igual à região do Porto e arredores-. Esses senhores sim, têm auto-estradas à borla sem que isso se justifique. No Porto sim, nesta matéria, são os privilegiados do país!

 

A frase: "...Não podemos continuar a importar 70% da alimentação (nacional)..." (Viriato Soromenho-Marques, Coordenador científico do Programa Gulbenkian Ambiente)

 

Ora aqui está um possível desígnio nacional para a próxima década, isto é, diminuir esta valor para pelo menos 50%. Actuaria positivamente -pelo menos- para a redução do endividamento externo, para o aumento do emprego e coesão nacional. Para isto podem contar comigo. Se o próximo governo nesta meta apostar, cá estarei para com eles arriscar um Portugal melhor.

       

sinto-me: bem
música: Civil War (G&R)
publicado por Planeta Roxo às 21:48

link do post | comentar | favorito
psroxo@sapo.pt

pesquisar

 

posts recentes

Reflexões de observador a...

Notas Direitas- Projecçõe...

Agora só quando vale...e...

O Nº226034 está-lhe grato...

É muito melhor que as 'pa...

Só para avisar que se me ...

Onde está a equidade cons...

Precisamos de oportunidad...

O meu olhar sobre polícia...

Flash Liberal- Passos Coe...

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

arquivos

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

mais sobre mim

blogs SAPO