Domingo, 30 de Janeiro de 2011

Notas Direitas

1ªNota: Portugal tem 308 autarquias. Ao ver o autêntico espartilho a que algumas são sujeitas, mal se distinguindo no mapa, fico a pensar se alguma vez Portugal será governável. Autarquias como Castanheira de Pêra, Barrancos, Mesão Frio, Borba, Odivelas, Amares, Vizela, etc., fazem do nosso mapa administrativo o retrato metafórico do nosso país, partido por todo o lado! Ora isto tem tudo a ver com novo mapa das freguesias de Lisboa, vão passar de 53 para 24. Num claro esforço de reorganizar a cidade podemos estar no bom caminho. Contudo, ao ler a notícia (jornal Sol) não vi uma palavra sobre possíveis ganhos financeiros/económicos. Parecem-me claros, mas com os nossos políticos espera-se tudo, até surpresas vindas do além. Proponho que em Portugal a redução de autarquias seguisse o mesmo caminho. Passarem para metade (pelo menos reduzidas em 1/3)!

 

2ªNota: Uma facção de Socialistas católicos pensaram no lógico! Se há cortes para subsídios de desemprego, abonos de família e rendimento mínimo garantido, porque razão não se deverá cortar no aborto? Deverá esta prática ser financiada pelo estado? Num país em que a pílula é de borla (ou pelo menos era até há bem pouco tempo) que sentido faz oferecer abortos? Paguem, nem que seja com trabalho comunitário, digo eu! É uma pedrada no charco querer por esta tema de volta em cima da mesa. E só o é por uma razão, é inadmissível que o aborto se torne ou seja visto como um método contraceptivo.

 

3ªNota: "Não precisamos de ajuda" (José Sócrates, The Wall Street Journal). Eu diria que não precisamos de ajuda...para nos enterrar já temos este excremento! Não pedimos ajuda, mas ela era necessária, bem-vinda e higiénica para um país mal cheiroso...tresanda a incompetência, miséria, pobreza e agiotagem por todo o lado!

 

4ªNota: Importamos da Europa civilizada as regras de trabalho no que respeita a perda de garantias dos trabalhadores. No campo dos ordenados temos uma tendência a puxar para Marrocos! Temos que dar os parabéns à ignorante da Helena André, não é todos os dias que uma gorda totalmente incapacitada chega a ministra...é tão fraquinha esta senhora! Escusava de ter evitado comparações com Espanha no primeiro tema, uma vez que no segundo nem sequer teve coragem de colocar em vigor um acordo assinado há vários meses por governo, trabalhadores e entidades patronais. É ultrajante que num ano em que a legislação laboral é flexibilizada a um ponto nunca visto (e bem!) o ordenado mínimo nacional aumente miseravelmente. 

   

sinto-me: bem
música: Malpractice
publicado por Planeta Roxo às 21:41

link do post | comentar | favorito
psroxo@sapo.pt

pesquisar

 

posts recentes

Reflexões de observador a...

Notas Direitas- Projecçõe...

Agora só quando vale...e...

O Nº226034 está-lhe grato...

É muito melhor que as 'pa...

Só para avisar que se me ...

Onde está a equidade cons...

Precisamos de oportunidad...

O meu olhar sobre polícia...

Flash Liberal- Passos Coe...

Maio 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

tags

todas as tags

arquivos

Maio 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

mais sobre mim

blogs SAPO